Letrista, Poeta, Roteirista, Escritor e demasiadamente humano.

Gente não é coisa de gente!




Gente não é coisa de gente!
Toda gente feia tem algo bonito.
Toda gente bonita tem algo feio.
Tanto no físico, quanto no intrínseco.
Toda gente fede.  Toda gente caga.
Toda gente morre. Toda gente cospe.
Toda gente que ser diferente.
Todo diferente que ser gente.
Toda gente deveria ser agente,
de transformação e valorização de gente.
Mas gente, como gente.
Nada mais é, e nada mais merece ser,
do que gente!