Letrista, Poeta, Roteirista, Escritor e demasiadamente humano.

PoemArte - Projeção



* PoemArte inspirado por duas obras do fudestogênico, Salvador Dali. "Galatea de esferas" de 1952 e "Minha mulher nua olhando seu próprio corpo" de 1945.


A mulher que observo
não é a mesma que projeto
Em meus ideais, sonhos... no futuro
Agora, tens a carcaça perfeita
mas falta preenchê-la


Confio em suas escolhas
assim, como em meu olhar
mas só adiante saberei
se acertei minhas projeções
se valeu à pena apostar e esperar


Autoconhecimento e desdogmatização
são algumas das suas urgentes necessidades
A leitura que faz do mundo
ainda não escreveu muito em você


Não vejo a hora, de que comece a correr
fora da esteira, do seu olhar sobre a vida
Seu interior está cheio do que lhe aguarda
Mas em partículas encapsuladas


Suas ancas macias e sedutoras
não têm sido suficientes
para me afugentar a insegurança
da perda de tempo em seu tempo


Sou paciente e faço papel de parede
decorando a parede da sua moradia em mim
mas estou com as extremidades descoladas
a textura desgastada e as cores opacas


Sigo ligando minhas energias em sua carne
eletrocutando meus desejos
fraturando seus ossos e mentes
para que o amanhã se calcifique