Letrista, Poeta, Roteirista, Escritor e demasiadamente humano.

PoemArte - Tirinha do Dr.Pepper


Idiotas ontem, hoje, amanhã e sempre!

Rebeldes sem causa / Um babaca por vez
Retardados para não perder a vez / Estamos no paredão outra vez
Por não ter o que conversar / Para ter de quem falar
Sempre trocamos a pilha depois que o "herói" se ausentar
500 mil, 1 milhão, 1 milhão e meio
E toda uma nação devastada pelo tsunami da televisão
Zero a esquerda, percentagem mínima, insígnia da destruição
Sialismo da ignorância / Dicotomia cultural única / Ablução cerebral
Somos os rótulos tampados das esquinas da alegria
Hoje acabou, amanhã tem mais
Ano que vem arranjamos tempo para não termos tempo
E numa espiadinha continuarmos como nossa miopia.